Resenha: Um Perfeito Cavalheiro


Sophie sempre quis ir a um evento da sociedade londrina. Mas esse é um sonho impossível. Apesar de ser filha de um conde, é fruto de uma relação ilegítima e foi relegada ao papel de criada pela madrasta assim que o pai morreu. Uma noite, ela consegue entrar às escondidas no baile de máscaras de Lady Bridgerton. Lá, conhece o charmoso Benedict, filho da anfitriã, e se sente parte da realeza. No mesmo instante, uma faísca se acende entre eles. Infelizmente, o encantamento tem hora para acabar. À meia-noite, Sophie tem que sair correndo da festa e não revela sua identidade a Benedict.

Uma releitura de Cinderela. Um cenário Magico. Um homem lindo e perfeito. Uma “criada” bonita e inteligente. Um romance simplesmente magico.

Cinderela é o meu conto de fadas favorito, então quando eu vi que esse livro era uma releitura desse clássico conto fiquei louca para lê-lo. Um Perfeito Cavalheiro é o terceiro livro da serie Os Irmãos Bridgerton e é escrito pela autora Julia Quinn. 

Sophie é filha ilegítima de um conde, e apesar dele ser distante e não lhe dar todo carinho e amor que ela precise, Sophie é cuidada e educada. Até que ele decide se casar. E a madrasta de Sophie passa a odiá-la logo que a conhece transformando a vida dela em um terrível pesadelo. E a morte inesperada do seu pai só torna as coisas ainda pior, pois Araminta (madrasta) faz de Sophie uma criada (escrava).

Sophie tinha um sonho de ir à bailes, até que depois de muitos sonhos com esse momento  as criadas que trabalhavam com ela, faz o papel de fadas madrinhas e transforma o sonho de Sophie em realidade.

Ao chegar ao baile ela encontra o tão charmoso e cobiçado Benedict Bridgerton e se apaixona por ele. Benedict se encanta por ela. Só que igual no conto de fadas, à meia-noite Sophie é obrigada a ir embora, deixando Benedict sem revelar seu nome ou seu rosto.

Benedict encantado por tal dama misteriosa passa meses procurando-a, sem obter sucesso em sua busca. Pois a madrasta de Sophie a expulsa de casa e ela é obrigada a sair de Londres. Porém alguns anos depois Sophie se vê numa situação de risco e o seu salvador é ninguém mesmo do que o próprio Benedict. Só que apesar de Sophie lhe parecer familiar ele não a reconhece.


Benedict fica encantando pela simples criada, e a leva de volta para Londres aonde segundo ele iria lhe dar um emprego. Mas a atração entre eles é inevitável. E ele logo se ver tentado a fazer uma proposta para Sophie: torna-la sua amante. Apesar de Sophie ainda ser apaixonada por ele e não ter um lugar para ir, ela recusa a proposta de Benedict. Mas ele não desiste e vai tentar de todas as formas fazer de Sophie sua amante.

Benedict não trata Sophie como criada e isso acaba proporcionando diálogos bem interessantes entre eles. Os diálogos são repletos de humor, segundas intenções e muita provocação. O que fica bem legal, por que apesar do livro ter suas partes quentes entre Sophie e Benedict eu adorei as conversas deles. Ao mesmo tempo elas são sensuais e provocativas, mas também são muito cheias de humor. Além de ser bastante inteligentes.

Comecei a ler esse livro cheia de expectativas e posso dizer que a Julia conseguiu superar todas elas. O livro é perfeito. Só que pra quem não gosta de romances clichês não aconselho ler esse livro.

O Benedict me conquistou no primeiro instante, ele é tão lindo, sexy, atraente, meigo, atencioso... enfim um verdadeiro príncipe encantado. Agora a Sophie me causou uma leve irritação. Ela é meio chata, e depois de tudo que o Benedict faz por ela, sem contar o que acontece entre eles. Sophie fica do tipo: Não posso ficar com você, não posso e blá, blá. Num podia por que criatura?? Fala serio!

Mas tirando esses ataques de idiotice da Sophie, eu amei o livro. Foi uma leitura rápida e divertida.  Julia criou essa nova versão adulta do clássico da Disney e ficou perfeito. Realmente incrível, porque apesar de ser uma versão adulta e com sensualidade ela consegue transmitir toda aquela magia e encantamento que sentimos ao assistir/ler Cinderela.

Depois de ler Um Perfeito Cavalheiro com certeza vou ler a serie completa. A Julia é uma autora incrível que nos faz viajar para épocas tão maravilhosas. Estou Encantada!!

Então... Com certeza eu recomendo esse livro. Leiam e vivam por alguns instantes um perfeito conto de fadas.

“- Você é o motivo pelo qual eu existo. O motivo pelo qual eu nasci."


Espero que tenham gostado, beijos!

18 comentários:

  1. Eu ADORO os livros da Julia, só acho que mesmo sendo uma releitura, ela poderia ter tentado se distanciar do conto um pouco mais.

    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Pah, é talvez teria ficado mais legal. Mas eu gostei do jeito que ficou :P
      Beijos *-*

      Excluir
  2. Eu gostei bastante do livro, na verdade esta série é a minha preferida de romances de época, pois tem humor e romance na medida certa e a relação familiar é linda.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Cida, é verdade. Essa serie é um das mais equilibradas em relação a romance, humor, família e até o drama. Por isso que ela é tão incrível!
      Beijos *-*

      Excluir
  3. Kelly, eu amo essa série e estou super ansiosa para ler esse livro! :D
    Aguardando a Arqueiro me enviar.

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Sandra, e tem como não amar?! hahahah
      Espero que ele chegue logo ♥
      Beijos *-*

      Excluir
  4. Olá!
    Eu adoro essa série! A Julia Quinn tem essa escrita permeada de humor e os casais tem sempre diálogos ótimos. O meu predileto é "O visconde que me amava", mas também gostei bastante de 'Um perfeito cavalheiro".
    Parabéns pela resenha!

    Beijos
    Espero sua visita =)
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Erika, estou terminando de ler essa serie agora. E ainda não me decidi, amei todos. Mas O Visconde que me Amava é tão lindo, acho que tbém vou incluir ele na lista de favoritos. ♥♥♥
      Beijos *-*

      Excluir
  5. Não curto romance histórico, por isso não me interessei nem um pouco pelo livro e nem pelos outros dessa linha lançados pela Arqueiro. Mas a capa é linda <3

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aah é uma pena. :(
      As capas são bem lindas mesmo ♥
      beijos!

      Excluir
  6. Oi!
    Estou passando aqui para divulgar meu novo blog literário:

    www.livreeespontanealeitura.blogspot.com


    Espero que goste!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, darei uma passadinha por lá.
      beijos *-*

      Excluir
  7. Olá!
    Adoei tua resenha, este livro é bem comentado e romances de época ultimamente andam arrebentando rs.
    Adorei tua resenha, até agora não tinha vontade de er ou saber mais, vou procurar mais da história e ver se vou gostar, só não gostei da parte clichê...

    Beijos!
    De tudo um pouco da Thá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Tamires, obrigado *-*
      Pois é, esses romances de época tem dado o que falar. Procure ler sim, as partes clichês não são assim tão ruim.
      Beijos ♥

      Excluir
  8. ahhh!! Eu amei esse livro <3
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Kellyane
    Eu Sou apaixonada pela Julia Quinn e este foi um livro maravilhoso, apesar de ele não ter nada de um perfeito cavalheiro, tive vontade de bater nele pelas atitudes idiotas que ele teve, mas foi muito bom mesmo assim. Estou quase pirando pois o próximo é o de Colin e Penelope que sai ainda este ano. Linda resenha Parabéns.
    Bjs
    http://meupassatempoblablabla.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Adriana, hahaahha é verdade o Benedict não tem nada de cavalheiro. Ele tá mais pro cavalo neh kkkk
      beijos! *-*

      Excluir

Obrigado pela visita e deixe seu recado!!